Rússia tem vantagens competitivas na mineração de criptomoedas

As autoridades financeiras da Rússia querem banir as criptomoedas, mas o presidente Putin acredita que a mineração de Bitcoin pode ser favorável para a nação

Rússia
As autoridades financeiras da Rússia querem banir as criptomoedas, mas o presidente Putin acredita que a mineração de Bitcoin pode ser favorável para a nação

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse em uma videoconferência aos funcionários do governo que a Rússia possui certas “vantagens competitivas” na mineração de criptomoedas, como Bitcoin. Ele também acrescentou que o governo deve realizar várias discussões sobre o assunto para chegar a um “consenso” satisfatório, conforme publicado por Cryptoslate.

Putin reacende a esperança aos investidores russos de criptomoedas

Vladimir Putin, ao falar com os ministros do governo por meio de uma videochamada, indicou que a Rússia possui certas “vantagens competitivas” ao minerar criptomoedas como Bitcoin.

Os comentários surpreendentes de Putin vieram no meio do pedido do Banco Central da Rússia para emitir uma proibição geral do comércio de criptomoedas na semana passada. O Banco Central da Rússia acredita que a alta volatilidade dos preços e atividades ilegais associadas às criptomoedas podem representar um risco significativo para os cidadãos russos.

A proibição proposta foi severamente criticada por muitos líderes da indústria de tecnologia russa, incluindo o chefe de gabinete de Alexy Navalny, Leonid Volkov, e o fundador do Telegram, Pavel Durov.

Embora Putin tenha reconhecido os riscos que a criptomoeda, em geral, possui, incluindo “certos riscos, principalmente para os cidadãos do país, dada a volatilidade significativa”, ele também afirmou que o governo deve adotar uma abordagem unificada em relação à criptomoeda, pois traz certas vantagens. em vez de simplesmente proibi-lo.

De acordo com Putin, a eletricidade suplementar produzida pelo país pode ser comprovadamente benéfica para a mineração de criptomoedas e pode ser utilizada para expandir os processos de mineração de criptomoedas.

Putin acrescentou:

Temos algumas vantagens competitivas aqui, principalmente na chamada mineração. Refiro-me ao excedente de eletricidade e pessoal bem treinado disponível no país.

O presidente Putin afirmou ainda que deseja que o governo adote uma abordagem unânime em relação à criptomoeda e alcance um “consenso” favorável sobre o referido assunto.

De acordo com os dados, a Rússia é o terceiro maior país de mineração de criptomoedas depois dos EUA e do Cazaquistão. Após a migração em massa de mineradores de criptomoedas chineses, alguns deles encontraram refúgio na Rússia e utilizaram a eletricidade barata do país para minerar criptomoedas. De acordo com a plataforma de dados de negócios Statista, os mineradores russos contribuíram com quase 11,2 % da taxa de hash para a rede global de Bitcoin em agosto de 2021.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno.Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_