Rússia propõe restringir Bitcoin a investidores qualificados

O vice-ministro das Finanças da Rússia, Alexei Moiseev, propôs a regulamentação de criptomoeda, incluindo bitcoin como ativos ou propriedades financeiras, para serem listadas na bolsa de valores de Moscou. No entanto, apenas os investidores qualificados serão autorizados a comprá-los e vendê-los.

Regulamento proposto sobre a criptomoedas

Em entrevista à Rússia 24, um canal estatal de notícias, o vice-ministro das Finanças, Alexei Moiseev, propôs tratar todas as criptomoedas, incluindo o bitcoin, como ativos financeiros. A proposta inclui proibir os investidores não qualificados de comprá-los e vendê-los.

“Criptomoedas devem ser regulamentadas como um ativo financeiro”, disse Vedomosti. “Há um ponto de vista de que criptomoedas, como bitcoin, são uma pirâmide financeira. Os investimentos são de alto risco. Isso motiva nossa abordagem para sua regulamentação.” RBC citou ele dizendo:

“Nós propomos chamar isso de moeda, mas regulá-lo como outro imóvel, qualificá-lo como um ativo financeiro e permitir que apenas investidores qualificados possam comprar e vendê-los.”

Como instrumento financeiro regulado, Moiseev disse que as criptomoedas serão vendidas através de bolsas de valores sob a supervisão do Serviço Federal de Monitoramento Financeiro da Federação Russa, também conhecido como Rosfinmonitoring.

“Segundo Moiseev, o Ministério das Finanças está discutindo esta questão com o Banco Central e a Bolsa de Valores de Moscou”, informou Vedomosti. Além disso, Moiseev explicou que é necessário que as criptomoedas sejam vendidas em exchanges “para fornecer proteção judicial aos participantes em transações”.

Prioridades definidas pelo Ministério das Finanças

Moiseev detalhou que esta abordagem da regulamentação das criptomoedas visa proteger os direitos dos compradores e vendedores. “Agora as pessoas fazem isso com risco próprio e sem proteção judicial. Esta é a nossa primeira tarefa “, ele foi citado por Vedomosti.

Ministério das Finanças da Rússia 

A segunda tarefa do ministério diz respeito a lavagem de dinheiro. Citando a Europa ocidental e a Rússia em particular, Ria Novosti citou ele dizendo que “o uso de critptomoedas para operações ilegais tornou-se muito freqüente porque os mecanismos para combater lavagem de dinheiro em criptomoedas ainda não estão totalmente aplicados em todos os países”.

Moiseev também explicou que é necessário vender bitcoins através da bolsa de valores regulamentada, para que o regulador sempre saiba “quem é o vendedor, quem é o comprador e de onde são as contas de bitcoin”.

A proposta que contém o regulamento deverá ser enviada em breve, de acordo com o vice-ministro das Finanças.

Fonte: News Bitcoin

Foto de Andre Cardoso
Foto de Andre Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/