Santander está levando a Ripple como solução para pagamentos no México

O país será o sétimo onde o banco irá introduzir serviços baseados em blockchain.

Com o objetivo de melhorar a transparência, a eficiência e a satisfação geral do cliente, o banco espanhol Santander lançará sua solução de pagamentos com Ripple no México no final de 2020.

Isso ficou conhecido a partir de um Formulário 20-F arquivado na Comissão de Títulos e Câmbio dos Estados Unidos (SEC) no início deste mês. Nele, o banco espanhol revelou que a solução One Pay FX, do Santander-Ripple, entraria em operação em 2020.

O Santander já oferece serviços baseados em One Pay FX na Espanha, Brasil, Polônia e Reino Unido desde 2018. Além disso, Santander Portugal e Chile entraram na lista no ano seguinte. O México será o sétimo país para o credor espanhol oferecer pagamentos baseados em blockchain.

O que Santander e Ripple podem oferecer

Lançado pela Ripple em 2018, o One Pay FX facilita pagamentos transfronteiriços, alavancando a RippleNet para liquidar transações. Notavelmente, o produto não usa o XRP para liquidação.

O banco espanhol explicou o One Pay PX como “a primeira solução internacional de blockchain ‘multi-corridor’ do mundo para pessoas físicas e pequenas e médias empresas – sendo lançada em quatro bancos do Santander”.

“O One Pay FX oferece transparência e previsibilidade, custo competitivo, experiência digital e melhor velocidade, melhorando a experiência subótima atual e a aderência do cliente por meio de um melhor sistema de pagamento global da categoria”, observou o documento.

O Santander é um dos principais parceiros bancários da Ripple. O banco se envolveu com a empresa blockchain com sede em São Francisco em 2015 com o investimento de US$ 4 milhões em sua rodada de financiamentos Série A. A Ripple levantou US$ 32 milhões nessa rodada de investimentos.

A notícia veio apenas uma semana depois que a International Money Express (Intermex), outra gigante de pagamentos transfronteiriça, revelou que não usará a RippleNet em seus principais mercados, incluindo o México.

Enquanto participava da empresa listada na Nasdaq, a Ripple divulgou que a Intermex utilizaria os serviços da Ripple para liquidação de pagamentos internacionais no México.

Enquanto isso, a Ripple está expandindo agressivamente seus serviços em muitos mercados, em parceria com players estabelecidos. No início deste mês, a empresa firmou parceria com a DeeMoney, empresa de tecnologia da Tailândia, para transferências internacionais de dinheiro.

Fonte: Atoz Markets

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.