SEC americana quer contratar um consultor jurídico especializado em criptomoedas

SEC busca por especialista em cripto

De acordo com uma vaga de emprego anunciada no USAJobs, site do governo americano voltado à listagem de oportunidades de emprego no serviço público com agências federais, a SEC (Securities and Exchange Comission) está buscando por um especialista em cripto para coordenar “as atividades da Divisão de Comércio e Mercado em relação a títulos de cripto e ativos digitais.”

Anunciado no dia 29 de março, o serviço irá pagar de US$144.850 a US$238.787 ao ano, e o contratado deve trabalhar em tempo integral na sede de Washington.

Segundo o anúncio o especialista contratado deve, juntamente com a a equipe de Comércio e Mercado (CM), estabelecer um plano para lidar com criptomoedas, ser um ponto de contato com reguladores nacionais e internacionais, possuir alto conhecimento sobre política e fluxo de trabalho, ter conhecimento da indústria referida e de seus desenvolvimentos em jurisdições nacionais e estrangeiras, e aplicar conhecimento das leis federais em questões envolvendo o setor, entre outros.

Para se candidatar à vaga, os interessados devem possuir bacharel em Direito e ser membro ativo da Federal Bar Association, organização profissional voluntária para advogados e juízes privados.

Aparentemente serão aceitos currículos tanto de cidadãos americanos quanto de indivíduos legalmente admitidos que buscam adquirir a cidadania. O selecionado poderá passar por um período de testes de 2 anos, estando sujeito a exames toxicológicos.

Recentemente o WeBitcoin noticiou que a SEC decidiu adiar a decisão sobre a aprovação dos ETFs de Bitcoin da Bitwise e VanEck. Agora, a comissão deve se posicionar e apresentar uma nova decisão até o dia 16 de maio.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli