Stellar faz parceria com empresa que gerencia U$ 700 bilhões

Parceria da Stellar network com a Franklin Templeton Trust deve trazer benefício para ambos os lados

Uma empresa de gerenciamento de ativos pretende usar a Stellar Network para registrar suas ações de fundos do mercado monetário em seu último registro na Securities and Exchange Commission (SEC) dos EUA. O prospecto ainda está sendo analisado pela SEC.

A Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos recebeu um prospecto preliminar de uma empresa de gerenciamento de ativos que visa registrar suas ações na blockchain da Stellar.

No documento, a Franklin Templeton Trust, que gerencia mais de U$ 700 bilhões em ativos, usará a blockchain como razão de gravação de teste – os registros do agente de transferência ainda prevalecerão como registro principal. O prospecto diz:

“Embora o agente de transferência do Fundo mantenha o registro oficial da propriedade das ações em forma escritural, a propriedade das ações do Fundo também será registrada na blockchain. “

“Registro permanente de ações de fundos do mercado monetário”

O prospecto explica que a Stellar Network será usada para verificar, autenticar e registrar transferências e transações.

Uma vez gravados, todos os participantes que possuem as ações serão transmitidos para a rede, garantindo responsabilidade e transparência no processo de emissão. Em caso de conflito, os registros de transferência do agente serão o ponto de referência. O anúncio diz:

“No entanto, no caso de um conflito entre o registro da blockchain e o registro mantido pelo agente de transferência, o registro do agente de transferência será determinante.”

Devido o processo de verificação e autenticação, as cadeias de blocos podem ter atrasos nas confirmações, o que pode causar discrepância com o registro do agente de transferência. O prospecto alerta ainda seus investidores sobre os desafios da blockchain.

“O uso da tecnologia de contabilidade distribuída não é testado para fundos mútuos.”

A ideia a ser passada é que a Franklin Templeton Trust não estará investindo em nenhuma criptomoeda. Na prática a empresa está buscando um valor patrimonial líquido (NAV) de U$ 1 sobre a ação, com a maioria dos ativos depositados em títulos públicos, operações compromissadas e dinheiro. Cada participação no mercado monetário será vendida a U$ 20.

Fonte: BTC EG

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.