Suíça também vai bloquear criptomoedas dos russos

Suíça

A Suíça se juntou à União Europeia para sancionar a Rússia, também está indo atrás das criptomoedas dos russos

De acordo com um relatório do Financial Times, emitido nesta sexta-feira (04), o governo federal suíço planeja congelar criptoativos pertencentes aos cidadãos russos e empresas mantidas dentro das fronteiras da Suíça.

O bloqueio coincidiria com as sanções já impostas pela União Europeia em resposta à invasão da Ucrânia pela Rússia.

Como relata o Financial Times, o ministro das Finanças da Suíça, Guy Parmelin, diz que 223 russos, incluindo associados próximos do presidente Vladimir Putin, tiveram suas contas bancárias e ativos físicos congelados pela Suíça na semana passada. As proibições das criptomoedas são uma penalidade adicional além das sanções da UE.

Um alto funcionário do Ministério das Finanças disse ao Financial Times que o congelamento de ativos digitais era necessário porque a Suíça quer proteger a integridade de sua indústria de Blockchain. De acordo com um relatório da CV VC Investimentos em Blockchain, uma empresa suíça de capital de risco, em dezembro de 2021, cerca de 1.128 empresas de Blockchain chamavam a Suíça ou o seu vizinho de Liechtenstein.

Na quarta-feira, a União Europeia anunciou planos para reprimir a capacidade da Rússia de evitar sanções econômicas usando criptomoedas. “Estamos tomando medidas, em particular sobre criptomoedas ou ativos criptográficos que não devem ser usados ​​para contornar as sanções financeiras decididas pelos 27 países da UE”, disse o ministro das Finanças da França, Bruno Le Maire.

Pedidos feitos para as exchanges como Coinbase e Binance para banir e congelar o acesso russo à criptomoeda destacaram a natureza sem fronteiras dos ativos digitais. Embora uma exchange possa congelar ou restringir o acesso, as criptomoedas mantidas em armazenamento a frio ou em uma carteira de autocustódia seriam mais difíceis de confiscar ou apreender, a menos que seus detentores tentem movê-las por canais restritos.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_