Visionário diz que criptomoedas tomarão 25% do mercado de moedas convencionais

O futuro é das criptomoedas

O visionário Thomas Frey diz que o futuro será descentralizado. Frey, no qual, de acordo com sua conta no Twitter, é um arquiteto do futuro, autor e futurista sênior no Instituto DaVinci, fez uma previsão ousada sobre o futuro das criptomoedas, dizendo que o dinheiro convencional será substituído pelas criptomoedas em pouco mais de uma década. Em um artigo no setor financeiro da Time, ele disse:

“As criptomoedas chegaram para ficar e irão tomar aproximadamente 25% do mercado de moedas convencionais até 2030. A maneira como funcionam é muito mais eficiente.”

No entanto, ele não disse quais.

O Bitcoin é considerado como uma moeda digital e uma reserva de valor e, apesar de ter demonstrado avanços como uma forma de pagamento, a moeda ainda não é utilizada pela maioria das empresas de comércio eletrônico e em lojas físicas nos Estados Unidos e Reino Unido. O que torna a previsão de Frei ainda mais impressionante.

Leia mais: Nem tudo são flores no Trade – Veja como perder R$ 1414,00 em 1 hora!

Afetará o sistema bancário convencional

Em seguida, ele discutiu sobre o fundo monetário internacional (IMF), destacando os comentários feitos pela diretora executiva Christine Lagarde que, por acaso, lamentou sobre a quantidade de eletricidade gasta com a mineração de bitcoins. No entanto, Frey destacou a impressionante habilidade que o bitcoin possui de afetar os bancos.

“Quando pessoas como Christine Lagarde dizem que as criptomoedas podem afetar os bancos centrais e o sistema bancário internacional, isso é muito significativo”, disse Frei.

Frey, que será responsável por detalhar as criptomoedas para oficiais do sistema de reserva federal dos Estados Unidos ainda este ano, igualou as transações em bitcoin a transações do setor imobiliário. Ao invés de uma propriedade física, o vendedor está negociando uma “quantidade digital… na nuvem”. Sua classificação não é muito diferente de como a receita federal americana (IRS) classifica as criptomoedas, entretanto, as transações com bitcoin não possuem as mesmas isenções de impostos que as transações no setor imobiliário possuem.

Assim como Frey está otimista com as criptomoedas, outros visionários também apresentaram opiniões positivas  –

‘Classe de ativos legítima’

Frey não foi o único visionário que discutiu sobre o futuro das criptomoedas e seu papel no sistema financeiro. James Canton da empresa “Institute for Global Futures”  destacou o que muitos têm tentado dizer —”a legitimação de uma nova classe de ativos que surgirá em meio à tradicional economia global.”

Canton comparou essa nova classe de ativos com o mercado de ações e títulos, dizendo que, de forma similar, as criptomoedas também são um mercado cíclico, um que resultará em quedas e “possivelmente… vastas riquezas.” Apesar da volatilidade, ele diz: “é uma área digna para pessoas experimentarem suas carteiras de investimento, mas com muito cuidado.” Investidores estão, cada vez mais, tendo a oportunidade de fazerem isso, além disso, Canton espera que um crescente número “de veículos de investimento surjam do mercado cripto.”

Fonte: CCN.com

Foto de Andre Cardoso
Foto de Andre Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/