Stratis: Microsoft lança plataforma para ICOs

Microsoft faz aposta no ramo de ICOs

Por meio de um tweet publicado no dia 19 de fevereiro, que foi posteriormente apagado, a Microsoft Azure (serviço de computação em nuvem da Microsoft) anunciou o lançamento da Stratis, uma plataforma para organização de ofertas iniciais de moedas – ICOs.

De acordo com a página oficial da plataforma, a Stratis ICO Platform:

“A Stratis ICO Platform permite que você execute uma segura e flexível aplicação web que permite aos compradores adquirirem seus tokens antes do ponto inicial de alocação. A plataforma foi construída do zero utilizando linguagem C# e .NET Core. A plataforma permite que usuários façam aquisições de tokens por meio de contribuições em BTC ou STRAT. Porém, Changelly também está integrada à plataforma, e compradores podem utilizar esse serviço para converter moedas fiat e outras criptomoedas em STRAT. Ademais, a plataforma é preparada para KYC (know your customer) e tem suporte para integração Onfido.”

Embora o tweet tenha sido apagado, importantes figuras da esfera chegaram a lê-lo. É o caso de Nic Carter, que comentou em seu Twitter:

“HAHA, eles deletaram! Para terem um contexto, a conta oficial da Microsoft Azure disse algo do tipo ‘lance uma ICO na Stratis com nossas ferramentas oficiais’!”

Do ponto de vista para programadores, o canal Box Mining fez um vídeo explicando porque a plataforma é importante, pois ela facilita a criação de uma blockchain personalizada de forma fácil. Por usar a programação C#, mais simples do que a comumente utilizada C++, a Stratis é basicamente uma espécie de “blockchain para leigos”, conforme revela o autor do vídeo.

ICOs não morreram

A ação da Microsoft demonstra que as ICOs não morreram. Apesar do mercado ter ficado relativamente mais frio em 2018 (se comparado a 2017), o interesse de uma grande empresa do ramo tecnológico no meio mostra que a diminuição de projetos não representa o desaparecimento do mercado.

Webitcoin: Stratis: Microsoft lança plataforma para ICOs
Investimentos em ICOs: quantias angariadas e número de projetos

É possível que a plataforma profissionalize o ramo de ofertas iniciais de moedas, responsável pela alta das criptomoedas no final de 2017. Movidos pelo FOMO (medo de perder uma oportunidade), investidores começaram a especular desenfreadamente, comprando moedas como Bitcoin e Ethereum para trocarem pelos tokens dos projetos escolhidos.

O resultado nós já sabemos: muitos projetos sem white paper receberam investimentos e sumiram do mapa, deixando os investidores desgostosos com as criptomoedas. Com a Stratis, é provável que este tipo de cenário não se repita.

Caso a plataforma prospere, outro ponto importante é a possibilidade de comprar os tokens STRAT diretamente com moedas fiat, conforme revela a descrição da plataforma.