Tether e SHIB competem com Bitcoin na Turquia dominada pela inflação

O papel percebido do Bitcoin como uma proteção contra a inflação está competindo com a especulação da Altcoin e a exposição ao dólar dos EUA por meio de Tether

Cidadãos turcos, enfrentando inflação alta e uma moeda em queda, estão evitando o exemplo dado por algumas empresas públicas estrangeiras que adotaram o Bitcoin como um ativo de reserva de valor. Em vez disso, eles estão migrando para criptomoedas alternativas como Shiba Inu (SHIB) e o Stablecoin Tether (USDT).

O volume negociados nos pares das moedas Bitcoin / Lira turca, na Exchange Binance, totalizou US $ 918 milhões em novembro, menos de um quinto do nível do valor da Shiba Inu / Lira de US $ 5,26 bilhões e Tether-Lira de US $ 5,58 bilhões.

Conforme disse Strahinja Savic, chefe de dados e análises da plataforma de criptomoeda FRNT Financial:

Os dados mostram que, apesar da instabilidade enfrentada pela Lira, os comerciantes locais ainda são atraídos pelos retornos excepcionais associados a moedas como o SHIB

Em novembro, a Lira caiu quase 40% em relação ao dólar, depois que o Banco Central cortou as taxas de juros, mesmo com a inflação chegando a 20% e o Federal Reserve dos EUA começou a reduzir seu programa de compra de ativos para aumentar a liquidez. A moeda desvalorizou cerca de 87% este ano e está a caminho de registrar sua nona queda anual consecutiva.

A SHIB, com seu suprimento maciço de 1 quatrilhão de tokens, é excepcionalmente barata em comparação com às moedas principais. SHIB / TRY estava sendo negociado perto de 0,00049 Liras na Binance no momento desta publicação, enquanto o BTC / TRY estava mudando de mãos a 686.580 Liras.

Embora os pagamentos com criptomoedas sejam proibidos na Turquia, possuir criptomoeda é legal. No entanto, a crescente popularidade do Tether e de outras criptomoedas podem atrair a ira regulatória, pois o aumento da fuga de capital por meio desses canais não bancários podem aumentar a desvalorização da Lira.

De acordo com Savic da FRNT:

Os comerciantes na Turquia podem estar usando o Tether como um proxy para a exposição ao dólar. Tether, a maior moeda estável do mundo em valor de mercado, é supostamente respaldada por uma cesta de reservas e tem uma indexação de 1: 1 ao dólar. É amplamente considerado uma representação do dólar digital que pode ser movido livremente entre as Exchanges e as fronteiras nacionais, contornando os canais bancários tradicionais.

Fonte: Coindesk

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno.Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_