Bitcoin: Paypal comprou 70% de todos os BTCs minerados no último mês

Com a entrada do Paypal e outros grandes investidores institucionais, preço do Bitcoin subiu forte durante todo o último mês

Paypal Bought 70% of All Newly Mined Bitcoin Last Month as Demand Rockets

O Paypal comprou até 70% de todo o Bitcoin recém-minerado desde que o gigante dos pagamentos começou a oferecer serviços de criptomoedas quatro semanas atrás. Esses dados estão de acordo com as estimativas do gestor de fundos de hedge Pantera Capital, conforme revelado em sua última carta mensal de blockchain. Junto com o Cash App da Square, as duas empresas estão comprando mais de 100% de todos os novos Bitcoins.

A carta dizia que a demanda pelo serviço de criptomoedas do Paypal, que funciona na exchange de fiat-to-crypto Paxos, Itbit, atingiu o teto. A exchange “estava fazendo um volume de negócios razoavelmente constante … [mas] quando o Paypal entrou no ar, o volume começou a explodir”, observou, acrescentando:

“O aumento no volume do Itbit implica que dentro de quatro semanas de lançamento, o Paypal já está comprando quase 70% da nova oferta de Bitcoin.”

O Paypal anunciou no final de outubro que seus clientes – com mais de 300 milhões de usuários ativos – agora poderão comprar, manter e vender Bitcoin e outros ativos digitais usando suas contas Paypal.

A decisão também significa que os usuários podem usar suas moedas para comprar coisas de 26 milhões de comerciantes que aceitam o Paypal. A empresa lançou o serviço de criptomoedas para clientes dos EUA no início deste mês, com o resto do mundo definido para ser integrado posteriormente.

Paypal Bought 70% of All Newly Mined Bitcoin Last Month as Demand Rockets

Os preços do Bitcoin subiram junto com as notícias do Paypal, ultrapassando US$ 12.000 no momento em que o serviço foi anunciado, e tem mantido o ímpeto de alta desde então, atingindo uma alta de três anos em US$ 18.997, atingida em 20 de novembro.

Pantera Capital observou que o serviço de criptomoedas do Paypal “já está tendo um grande impacto”. Conforme mostrado no gráfico acima, ele previu que se o “crescimento persistir, o Paypal sozinho compraria mais do que todos os Bitcoins recém-minerados em semanas”.

A carta também argumenta que o rally atual do Bitcoin é muito mais “sustentável” do que o de 2017 por causa da crescente demanda institucional de entidades como Paypal, Cash App e Robinhood, que tornam a compra de Bitcoin fácil.

“Anteriormente, o atrito para comprar Bitcoin era bastante oneroso: tire uma selfie com seu passaporte, espere dias a uma semana para ser ativado, limites diários”, dizia a carta.

Os dados mostram que a alta atual do Bitcoin foi em grande parte impulsionada por compradores institucionais. De acordo com o site bitcointreasuries.org, que faz a curadoria de investimentos em Bitcoin por empresas de capital aberto, cerca de 21 empresas, incluindo Microstrategy Inc e Galaxy Digital Holdings, possuem um total de US$ 14,42 bilhões de BTC em reserva. Isso é 832.351 BTC ou mais de 4% do suprimento circulante de Bitcoin.

Várias dessas compras aconteceram nos últimos meses, empurrando o preço do Bitcoin para cima. A Pantera Capital diz que a escassez de Bitcoin resultante da alta demanda corporativa significa que empresas como o Cash App, que recentemente relatou uma receita recorde de US$ 1,6 bilhão com Bitcoin, terão que pagar mais por cada moeda.

“Quando outras instituições financeiras maiores seguirem seu exemplo (Cash App), a escassez de oferta se tornará ainda mais desequilibrada. A única maneira de se equilibrar a oferta e a demanda é por um preço mais alto”, explicou.

Fonte: Bitcoin.com

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.