Principais criptomoedas registram aumentos, Bitcoin e Ethereum com 5% de aumento

Após passarem por uma pequena correção em 26 de Janeiro, as principais criptomoedas, incluindo o bitcoin, o Ethereum e o Cardano apresentaram um aumento de cerca de 5 porcento.

Curiosamente, a NEM, moeda que foi hackeada na CoinCheck e teve o equivalente a $530 milhões de dólares roubados da hot wallet da exchange, também registrou um aumento de 5,6% no preço.

Bitcoin e Ethereum

Desde a forte correção de dezembro, a maioria das criptomoedas no mercado têm tido dificuldades em recuperar seus preços mais altos. O preço do Bitcoin ainda está abaixo de 50 por cento de seu preço recorde de $19.000 dólares, além disso, outras criptomoedas como a Ripple e o Bitcoin Cash estão abaixo de cerca de 70 por cento de seus preços mais altos.

Por um momento, a Ripple se aproximou da valorização de mercado de $150 bilhões de dólares, mas desde então, a moeda manteve sua capitalização de mercado abaixo de $50 bilhões de dólares. Isso representa mais de 50% de queda em um período de dois meses.

O Ethereum tem sido um das criptomoedas menos afetadas no mercado, apresentando a menor queda de seu valor recorde de $1.300. A moeda se manteve acima de $1.000 dólares ao longo de grandes correções e hoje, o preço do Ether, a moeda pertencente à rede Ethereum, registrou um aumento de 4,6%.

Na semana passada, a bilionária fornecedora de serviços financeiros, Stripe, anunciou que, em virtude de taxas elevadas e longos períodos de confirmação da rede Bitcoin, está procurando por alternativas no mercado global de criptomoedas. A empresa demonstrou interesse pelo Ether e outras criptomoedas lançadas com base no protocolo do Ethereum, como a OmiseGo.

“As taxas subiram muito. Para uma transação comum de Bitcoins, uma taxa de dezenas de dólares é cobrada, deixando transações de Bitcoins tão caras quanto transferências bancárias. Por causa disso, o interesse de nossos clientes em aceitar Bitcoins diminuiu. E com respeito às empresas que estão aceitando Bitcoins na Stripe, suas receitas provenientes de Bitcoins diminuíram substancialmente,”disse a equipe da Stripe.

Leia mais: Entenda como os investidores chineses têm lidado com a proibição do governo

Afaste-se do Bitcoin

Neste momento, em virtude do decrescente volume diário de transações do bitcoin nas últimas semanas, as taxas na rede Bitcoin estão custando menos de $1 dólar. Conforme a demanda e o preço da moeda aumentar novamente, provavelmente, as taxas farão o mesmo.

Fornecedores de serviços financeiros como a Stripe acreditam que a curto prazo, as empresas devem se afastar do bitcoin devido a suas altas taxas e procurar outras alternativas como o Ethereum. A aceitação de vendedores pelo Ethereum pode ser um fator importante para o crescimento de seu preço a médio e longo prazo.

“Estamos interessados no que está acontecendo com a Lightining e outras alternativas para pagamentos mais rápidos. A OmiseGO é uma opção ambiciosa e inteligente; de forma geral, o Ethereum continua a gerar muitos projetos de alto potencial,”acrescentou Stripe.

Apesar da rede Ethereum não ser especificamente projetada para processar pagamentos, ela se tornou uma moeda digital amplamente utilizada. Com um volume de transações diárias de 1,4 milhões, a moeda está processando 7 vezes mais transações do que o Bitcoin. O rápido aumento na quantidade de usuários do Ethereum fez com que seu preço aumentasse durante as últimas semanas.

Ripple

Apesar de conseguir várias parcerias de alto nível com empresas, tais como a MoneyGram e importantes bancos sul-coreanos, já se faz um mês que a Ripple tem lutado para demonstrar sinais de recuperação. Instituições financeiras japonesas e sul coreanas deverão implantar a Ripple até o início de fevereiro. Se a integração for bem sucedida, o preço da Ripple refletirá positivamente tal ato. Caso contrário, o preço da Ripple pode continuar a cair a curto prazo.

Fonte: CCN.com

Foto de Andre Cardoso
Foto de Andre Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/