Analista afirma que Visa e Mastercard devem adotar as criptomoedas se quiserem se manter no mercado

“Se não pode com eles, junte-se a eles”

De acordo com Lisa Ellis, analista sênior da MoffettNathanson, as criptomoedas serão o futuro das redes de pagamento, e até mesmo as grandes empresas privadas, como Visa e Mastercard, devem aderir à nova tecnologia para permanecer no mercado.

Apesar de não acreditar que o caso irá acontecer em um futuro próximo, Lisa aponta que os ativos oferecem liberdade aos usuários, o que ataca o âmago dos sistemas de pagamento tradicionais. Como o setor viabiliza pagamentos transfronteiriços sem burocracia, poderia tranquilamente substituir o sistema vigente.

O posicionamento da analista é válido e condizente. A diferença tanto no custo quanto na velocidade colocam as criptomoedas em um patamar muito mais favorável que o método tradicional. Esta é a razão pela qual tantas instituições financeiras, como bancos, estão adotando a tecnologia.

Recentemente o WeBitcoin noticiou que o banco suíço Dukascopy lançou o próprio token no blockchain do Ethereum. A SWIFT, embora não tenha adotado diretamente o serviço de pagamento da Ripple, está acompanhando o desenvolvimento do setor de perto. Recentemente anunciou uma parceria com o R3 para utilizar seu produto Corda para facilitar o sistema de pagamento. Tal iniciativa visa um posicionamento no mercado, já que o blockchain está tomando conta do sistema financeiro no mundo todo.

Em paralelo, em 2018 foi publicado um relatório afirmando que o Bitcoin processa mais transações do que a própria Visa. Em questão de velocidade, a empresa é superada pela Ripple, o que dá ainda mais certeza de é uma questão de tempo até que as criptomoedas superem o sistema tradicional.

Apesar de sofrer alguns reveses quando se trata de regulamentação, o setor está expandindo cada vez mais sua adoção, principalmente o blockchain.

Agora os entusiastas aguardam a aprovação de um ETF de Bitcoin pela SEC, o que certamente impulsionaria a indústria. Com a constante adoção do setor pelas empresas e certos indícios de recuperação apresentados pelos ativos, espera-se que o sistema tradicional se alie à inovação, ao invés de competir com ela.

FONTE: ZY CRYPTO

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli