Aplicativo digital Yuan do Banco Central Chinês chega à Apple e ao Android

O yuan digital da China está cada vez mais perto de ser lançado, com uma versão piloto de um aplicativo e carteira emitidos pelo Banco Central lançados nas lojas de aplicativos da Apple e Android no país.

Contra Capa 29 1

Conforme publicado por, O Diário do Povo, o maior meio de comunicação estatal da China, relatou que todos os cidadãos em sites-piloto existentes, agora podem baixar e usar o aplicativo. Os estágios anteriores do piloto exigiram que os usuários do yuan digital usassem carteiras de yuan digitais emitidas por Bancos comerciais estatais. A nova carteira piloto, no entanto, foi emitida diretamente pelo Banco Popular da China (PBoC), ou melhor, pelo departamento do Banco que está desenvolvendo o token digital: o Instituto de Pesquisa de Moeda Digital do PBoC.

O meio de comunicação notou que os usuários só poderiam fazer uso do aplicativo se estivessem nas seguintes cidades: Shenzhen, Suzhou, Xiong’an, Chengdu, Xangai, Hainan, Changsha, Xi’an, Qingdao e Dalian. Indivíduos residentes em Pequim nas partes da cidade onde os Jogos Olímpicos de Inverno serão realizados no próximo mês também terão permissão para acessar o aplicativo.

O governo espera fazer uma implantação completa na capital, ou possivelmente em todo o país, a tempo para os jogos, que começam no dia 4 de fevereiro.

O meio de comunicação classificou a notícia como um sinal de “progresso significativo”, embora não tenha colocado um cronograma em um lançamento completo, observando que “no momento, o digital [CNY] ainda está em seu estágio de testes de rotina” e “em fase de pesquisa e desenvolvimento”.

A versão piloto, indicou o PBoC, proporcionará aos indivíduos a chance de se familiarizarem com os protocolos de “abertura e gerenciamento de carteira”, bem como de “troca e circulação”.

O PBoC faz questão de garantir que seu token digital possa ser usado por quem não tem acesso ao smartphone e tem testado uma variedade de carteiras de hardware e soluções semelhantes a cartões inteligentes que permitirão o uso offline.

Ontem, o C114 relatou que a China Mobile, a maior provedora de telefonia móvel do país, agora tem 100 milhões de usuários ativos mensais de sua solução SIMPAY digital compatível com o yuan. A solução, que foi lançada em outubro do ano passado, foi desenvolvida em conjunto com o Banco Industrial e Comercial da China e permite aos usuários fazer transações digitais CNY sem rede usando tecnologia de comunicação de campo próximo (NFC).

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno.Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_