Dez mil pessoas foram vítimas de esquema na Áustria, $115 milhões de dólares roubados

Nem tudo que reluz é ouro

Segundo informações, um suposto esquema envolvendo investimentos em bitcoin na Áustria afetou cerca de dez mil investidores no país e ao redor da Europa.

Chamado de “Optioment”, o esquema de investimentos austríaco foi responsável pelo roubo de aproximadamente 12.000 bitcoins (cerca de $116 milhões de dólares na cotação atual) de mais de 10.000 vítimas. O esquema possuía um Web site, atualmente fora do ar, no qual alegava ser um “produto de investimento global de Bitcoins de primeira qualidade” originado de um “fundo de bitcoins localizado na Costa Rica”. O esquema também alegou ter uma plataforma de “investimento” financiada por ativos avaliados em mais de 35.000 BTC.

Uma reportagem do veículo de comunicação Die Presse revelou que investidores foram atraídos pela promessa de grandes lucros semanais, de 1.5% a 4% por semana em seus bitcoins depositados. Investidores também foram recompensados por trazerem novos usuários à plataforma.

“A OPTIOMENT te dará Bitcoins quando você compartilhar nossa plataforma com seus amigos e colegas de trabalho,” dizia um comunicado na página que está atualmente offline, entretanto, ainda é possível visualizar a página por meio do site Internet Archive. “Nosso sistema de compensação lhe pagará 7% no primeiro nível, 4% no segundo nível, 3% no terceiro nível e muito mais. E te paga toda vez que um membro em sua lista de contatos faz um depósito, não só pela primeira vez, mas a cada depósito. Ativo e passivo!”

Leia mais: Cisco e polícia ucraniana descobrem esquema de phishing que roubou $50 milhões em Bitcoin durante 3 anos

Esquema multinível ou pirâmide?

O maior evento de investidores organizado pela Optioment ocorreu nas semanas antes de seu colapso em um hotel em Viena, no qual 700 participantes compareceram ao mesmo. O esquema de investimento se expandiu até investidores na Polônia, na Romênia e na antiga Iugoslávia.

Apesar de pagamentos serem feitos por vários meses, o esquema de marketing multinível finalmente desmoronou em novembro de 2017. Próximo ao fim de janeiro, a autoridade dos mercados financeiros da Áustria começou a trabalhar em conjunto com o gabinete dos procuradores públicos em Viena para realizar uma investigação sob a suspeita de fraude e/ou esquema de pirâmide, acrescentou a reportagem da Die Presse.

Dois dos três responsáveis pela Optioment, um nativo da Letônia e um da Dinamarca, foram supostamente identificados. No entanto, ao falar com o Bloomberg, o órgão austríaco confirmou que, até o momento, ninguém foi apreendido. Ainda assim, o gabinete dos procuradores está analisando “centenas de reclamações” de investidores austríacos, fazendo com que autoridades solicitem a Interpol para ajudar a encontrar os responsáveis pelo esquema.

Fonte: CCN.com

Foto de Andre Cardoso
Foto de Andre Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/