Dólar digital dos EUA aumentará o preço e adoção do Bitcoin?

Jason Wu, fundador e CEO da DeFiner, o dólar digital pode trazer benefícios não apenas para o Bitcoin, mas para o mercado cripto de modo geral

Em fevereiro, o presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, sugeriu que o Fed estava trabalhando em uma versão digital do dólar americano quando falou em frente ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara dos EUA.

Naquela época, parecia que o Bitcoin (BTC) estava em alta oara 2020, após seu desempenho surpreendentemente otimista em janeiro, que continuou a ganhar força nas duas primeiras semanas de fevereiro. O preço do BTC chegou a US$ 10.000 pela primeira vez desde outubro de 2019.

As ações também estavam registrando altas recordes na época. Contudo, todo o clima especulativo dos mercados financeiros foi revertido quando se percebeu que o impacto do novo coronavírus era muito mais sério do que se pensava inicialmente.

Alguns apontam para a necessidade de realizar transações com criptomoedas ou dinheiro digitalizado como forma de impedir a disseminação através das formas físicas de pagamento, apesar de não haver consenso científico sobre como o COVID-19 se espalha.

Ainda assim, não há indicação de quando o Fed implementará um dólar digital, mas, se o fizer, muitos dos que estão no espaço das criptomoedas acham que isso aumentará o preço da principal criptomoedas de referência.

“A ideia de um dólar digital do Fed aumentará indubitavelmente o preço do Bitcoin. É uma forte indicação da adoção em massa de criptomoedas impulsionadas por ninguém menos que o governo”. Explicou Ashish Singhal, co-fundador e CEO da CoinSwitch.co e CRUXPay, ao International Business Times.

O Bitcoin sofreu um golpe mais maciço do que as ações em meados de março, caindo para menos de US$ 4.000 no processo. A principal criptomoedaa não recuperou muito do que havia perdido, pois atualmente encontra-se estagnado em torno da região de US$ 6.000.

E se um dólar digital dos EUA ingressar nas finanças tradicionais, de acordo com Jason Wu, fundador e CEO da DeFiner, “ajudará a educar o público a aceitar serviços baseados em blockchain e a eliminar o medo natural e a percepção de risco das novas tecnologias”.

“Bitcoin é o ouro digital no mundo dos ativos digitais, o PIB do mundo digital é capturado pelo Bitcoin; portanto, a tendência de preço do Bitcoin definitivamente aumentará”, acrescentou Wu.

Mas um dólar digital dos EUA ainda dependerá em grande parte de quão longe o governo o apoiará. A proposta de criptomoeda do Facebook, Libra, está atualmente no limbo, uma vez que foi fortemente escrutinada pelo Congresso dos EUA em outubro.

Fonte: IBT

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.