Entenda porque o preço do Bitcoin cairá se a identidade de Satoshi Nakamoto for revelada

Até mesmo a Coinbase sairia prejudicada

Alguns acham que se Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin, for desmascarado, isso poderá representar um grande risco para o ecossistema do Bitcoin e para empresas cujos negócios giram em torno do sucesso da criptomoeda dominante. Uma empresa que se preocupa com isso é a Coinbase, que está planejando abrir o capital listando-se na NASDAQ.

O registro S-1 da plataforma de negociação digital junto à Securities and Exchange Commission (SEC), que foi divulgado na quinta-feira, listou o cenário como um possível risco para seus negócios.

Assim como qualquer empresa que pretende abrir o capital, a Coinbase mencionou as ameaças potenciais aos seus negócios no processo. A possibilidade de repasse dos Bitcoins de Satoshi é outro fator de risco, segundo o protocolo.

Se a identidade de Satoshi for revelada, o preço do Bitcoin pode se deteriorar, disse o Business Insider, observando que o arquivamento da SEC faz referência aos Bitcoins de Satoshi. Diz-se que o criador possui 1 milhão de BTC, extraído nos primeiros dias da criptomoeda.

O risco é garantido, visto que em maio do ano passado, o preço do Bitcoin foi brevemente abalado por notícias de Bitcoins muito antigos – possivelmente de propriedade de Satoshi – saindo repentinamente de décadas de dormência. O Business Insider acrescentou que, se o criador for identificado, isso representará uma ameaça à natureza descentralizada do Bitcoin.

Se a identidade de Satoshi for revelada, o que resultaria em uma queda no preço do Bitcoin, os negócios da Coinbase serão afetados. A empresa disse que deve continuar a se beneficiar da alta das moedas digitais, assim como fez nos anos anteriores.

Outro risco identificado pela Coinbase foi a crescente popularidade e adoção de finanças descentralizadas.

“Nós competimos contra um número crescente de plataformas descentralizadas e sem custódia e nossos negócios podem ser adversamente afetados se não conseguirmos competir efetivamente contra elas”, disse o documento.

A Coinbase disse ainda que espera que novos produtos e tecnologias continuem a surgir que podem ser superiores aos seus produtos.

“Nosso sucesso dependerá de nossa capacidade de desenvolver e incorporar novas ofertas e nos adaptar às mudanças tecnológicas e às práticas da indústria em evolução”, concluiu.

Fonte: IBTimes

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.