A falência da Celsius pode reduzir ainda mais os preços das plataformas de mineração

A falência da Celsius pode reduzir ainda mais os preços das plataformas de mineração

Mineradores ASIC já estão em baixa de dois anos

O colapso do TerraUSD em maio levou a plataforma de finanças descentralizada (DeFi) Celsius a congelar saques, swaps e transferências entre contas de clientes devido às “condições extremas de mercado”. A empresa entrou com pedido de falência na semana passada, deixando seus usuários preocupados sobre quando, ou se, eles receberão seu dinheiro de volta. As informações são do site TechSpot.

2022 07 18 image j
Muito mais barato do que costumava ser

A Bloomberg relata que a subsidiária de mineração da Celsius também pediu proteção. O arquivamento da Celsius Mining revelou que possui 80.850 plataformas, das quais, 43.632 estão em operação, e espera operar cerca de 120.000 plataformas e gerar mais de 10.000 moedas até o final deste ano.

Espera-se que a Celsius Mining venda alguns de seus equipamentos de mineração ASIC. O problema, no entanto, é que os preços dessas máquinas caíram até 50%, para uma baixa de dois anos, à medida que o inverno cripto continua.

A CoinDesk escreve que a Celsius Mining já leiloou pelo menos 7.000 de suas plataformas de mineração, recém-adquiridas em junho, por um valor inferior ao de mercado. E com mais empresas de mineração entrando em liquidação, espera-se que a tendência continue.

Celsius enfatiza que o pedido de falência do Chapter 11 permitirá reorganizar suas obrigações financeiras enquanto as operações continuam. Espera-se que a empresa mantenha pelo menos parte de seus negócios de mineração como forma de pagar parte do que deve. A Celsius tem 100.000 credores, que incluem um crédito sem garantia de US$ 81 milhões do Pharos Fund, com sede nas Ilhas Cayman, e um empréstimo sem garantia de US$ 12 milhões para a Alameda Research.

Enquanto a Celsius Mining usa máquinas ASIC, também estamos vendo os preços de hardware de PC de segunda mão cair à medida que mais placas gráficas usadas por mineradores amadores chegam a sites de leilão.

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.