Fundação Gates fecha parceria com Ripple e Coil para apoiar sistema de pagamento aos menos favorecidos

A iniciativa pretende fornecer serviços financeiros para indivíduos que não possuem acesso a bancos

Nesta quarta-feira (17 de outubro) foi anunciado por meio de um perfil no Twitter que a Fundação Bill e Melinda Gates iniciou uma parceria com a Ripple Labs Inc. e a companhia de pagamentos digitais Coil visando implementar o Protocolo Interledger.

A implementação foi projetada para conectar diferentes registros de pagamentos e permitir o rápido processamento de transferências internacionais.

A parceria pretende utilizar o protocolo para explorar maneiras pelas quais a plataforma Mojaloop, da Fundação Gates, poderia suportar sistemas de pagamento em favor dos menos favorecidos.

A plataforma foi lançada pela fundação em outubro de 2017, e desde então realiza pagamentos móveis de código aberto para diversas organizações financeiras, reguladores governamentais, entre outros, fornecendo serviços financeiros para indivíduos em todo o mundo que não possuem acesso à bancos.

Leia mais: G4S: Uma das maiores provedoras de segurança do mundo passou a oferecer serviços de armazenamento de criptomoedas off-line

Em 2017, o Banco Mundial registrou cerca de 1,7 bilhão de adultos tecnicamente sem banco. A quantia representa quase 30% da população mundial.

De acordo com as pesquisas, a maioria vive em países de mercado emergente de baixa e média renda, e não possuem acesso literal a serviços bancários regulares.

Inserindo um sistema baseado em plataformas blockchain, tais pessoas poderão receber uma identidade digital para uso em seus serviços bancários utilizando smartphones.

A Coil, fundada por Stefan Thomas, da Ripple, também foi desenvolvida com base na tecnologia Interledger. Atualmente, a plataforma permite que os usuários apoiem os criadores de conteúdo monetariamente.

Leia mais: Goldman Sachs e CEO da Galaxy Digital investem US$15 milhões em serviço de custódia de criptomoedas

FONTE: COINTELEGRAPH