GBB propõe novo acordo para ressarcir usuários

Nova opção de contrato é proposta pelo GBB

Desde a suposta fraude anunciada no final de maio, a situação não é das melhores para os usuários das exchanges do Grupo Bitcoin Banco (GBB), que estão enfrentando filas de saque em um sistema aleatório na tentativa de reaver seus fundos.

Após apresentar algumas opções, recentemente a mídia noticiou que o GBB está propondo um novo acordo para os clientes, que consiste na conversão do saldo detido tanto na NegocieCoins quanto na TemBTC para Bitcoin ou BR2EX, nova criptomoeda anunciada pelo grupo.

De acordo com o anúncio, “Após a adesão e conversão, a transferência do saldo deverá ser transferida para o Bitcoin Banco”. Aparentemente, aqueles que optarem por aderir ao novo acordo poderão ser compensados mensalmente em até 2% em cripto, apesar de que o ativo a ser utilizado não foi especificado.

O comunicado destaca ainda que o prazo do novo contrato será estipulado pela quantidade de fundos convertidos por cada cliente, podendo ser de 60 dias (até 3 Bitcoins), 90 dias (de 3,0001 a 8 Bitcoins), 120 dias (de 8,0001 a 14 Bitcoins) e 180 dias (acima de 14 Bitcoins).

Como noticiado anteriormente pelo WeBitcoin, outra opção proposta pelo GBB é a conversão de todos os fundos em BR2EX, que deve ser enviada à Negocie Express para poder ser trocada para real. Assim que realizada a conversão, o cliente pode solicitar o saque, que ainda não possui prazo definido.

Em ambos os casos, os clientes que não quiserem aderir devem continuar na fila de espera original.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli