Justin Sun se desculpa pelo excesso de marketing em torno do almoço com Warren Buffett

CEO da TRON pede desculpas pela comoção gerada em torno do almoço com Buffett

Nesta quinta-feira o CEO da TRON, Justin Sun, publicou um pedido de desculpas no Weibo por todo o hype gerado em torno do almoço com Warren Buffett.

Em seu discurso, que aparentemente foi excluído, Sun pede “sinceras desculpas ao público, oficiais e autoridades regulamentares”, afirmando que queria almoçar com Buffett por possuir uma grande admiração pelo investidor, além de entusiasmo em relação à caridade.

“Era simples, mas também com interesse próprio para promover a indústria blockchain e meu projeto. Mas a minha conduta imatura, ingênua e impulsiva, com a minha boca grande, transformou a situação em um excesso de marketing descontrolado e falho, e resultou em uma série significativa de consequências inesperadas”

Em seu pedido de desculpas, Sun se refere diversas vezes aos reguladores, mas não revela maiores detalhes em nenhum momento.

Como noticiado anteriormente pelo WeBitcoin, o CEO cancelou o tão esperado almoço por supostamente estar com pedras nos rins. Além de Sun, também estariam presentes Charlie Lee, criador da Litecoin, Jeremy Allaire, CEO da Circle, Helen Hai, da Binance Charity, e Yoni Assia, CEO da eToro.

Alegando já estar melhor, a comunidade aguarda que o CEO reagende o evento, que muitos esperam que mude o pensamento de Warren Buffett em relação às criptomoedas.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli