Mineração de Bitcoin pode ser banido de Nova Iorque

Mineração Bitcoin

Mineração de Bitcoin corre risco de ser banido devido um projeto de lei dos membros do Comitê de Conservação Ambiental da Assembleia Estadual de Nova Iorque

Conforme divulgado por Bloomberg, o projeto de lei estabelecerá uma moratória nas operações de mineração de prova de trabalho.

No entanto, a proposta ainda tem várias etapas para se tornar lei.

Primeiro, terá que obter a aprovação majoritária dos dois ramos de toda a legislatura estadual e, em seguida, a assinatura da governadora Kathy Hochul .

Neste momento, é difícil prever se será aprovado pela Câmara, ou se será alterado, mas a aprovação em comissão significa que o processo de transformá-lo em lei já começou.

O curioso é que o voto positivo na comissão ocorreu cerca de uma semana antes do prazo de 31 de março para que o Estado decida se concede isenções ambientais especiais à usina que fornece energia elétrica à mineradora Greenidge Generation Holdings.

Apesar disso, o preço das ações da empresa listada na Nasdaq (ticker GREE) subiu 4% ontem, então é possível que os mercados não considerem a proibição particularmente provável.

Vale a pena notar, no entanto, que o preço das ações da GREE já estava muito baixo, ficando apenas um pouco acima do mínimo histórico alcançado em meados de março.

A comissão que aprovou o projeto é composta por 11 senadores, oito democratas e três republicanos.

O Partido Democrata tem uma maioria clara no Senado do Estado de Nova Iorque, então não é de forma alguma impossível que o projeto vá adiante.

O outro ramo da legislatura estadual, a Assembleia, também tem uma grande maioria democrata.

Eric Adams a favor da mineração de Bitcoin

O novo prefeito de Nova Iorque, Eric Adams, que é pró-Bitcoin, mas hostil à mineração, também é democrata.

O problema é sempre o mesmo: alto consumo de energia. O estado de Nova Iorque tem um total de 20 milhões de habitantes, por isso consome muita eletricidade. É possível que os senadores estejam preocupados com o impacto ambiental indireto da mineração, por um lado, e o possível impacto direto nos preços da eletricidade, por outro.

Os EUA já se tornaram o país com maior consumo de energia devido à mineração de Bitcoin, pois é o país com maior hashrate, mas muito está sendo feito para garantir que a energia consumida venha principalmente de fontes renováveis.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_