MoneyGram, apoiada pela Ripple, oferece a Coinbase avaliação gratuita de seus serviços

O CEO da Coinbase, Brian Armstrong, está decepcionado com o PayPal, então a MoneyGram ofereceu a Armstrong um código promocional para testar seu serviço de remessa

O PayPal e os bancos tradicionais têm sido frequentemente criticados por entusiastas de criptomoedas e por algumas das principais figuras da indústria cripto. Como relatado anteriormente o Bank of America havia fechado uma conta do CEO da Tron, Justin Sun.

Isso também aconteceu com o ex-executivo do PayPal, Roelof Botha – supostamente depois que ele começou a comprar Bitcoin.

Na quarta-feira, 12 de fevereiro, um pagamento do CEO da Coinbase, Brian Armstrong, foi rejeitado pelo PayPal. Armstrong foi ao Twitter para compartilhar isso com a comunidade.

O parceiro da Ripple, MoneyGram, ofereceu-se imediatamente para ajudar.

“O destinatário não pode receber dinheiro”

Tweetando que sua transação para um amigo via PayPal havia sido rejeitada e também recusada pelo banco, Brian Armstrong comentou que, se isso acontece nos EUA (um país onde os serviços devem funcionar da maneira mais eficiente possível), imagine os danos que essas empresas centralizadas podem causar no resto do mundo.

Admitindo que o universo cripto tem certas desvantagens e desafios, Armstrong ainda enfatiza que os pagamentos em criptomoedas funcionam, afinal de contas.

MoneyGram entra em ação

No tópico de comentários, a MoneyGram, apoiada pela Ripple, apareceu e ofereceu um código promocional ao chefe da Coinbase para experimentar a plataforma de remessa da MoneyGram, que funciona com base no ODL (On-Demand Liquidity).

Sabe-se que a MoneyGram usa o XRP da Ripple para remessa em cerca de cinco corredores em todo o mundo. Três deles são rastreados no Twitter pelo bot XRP Liquidity Index – México (Bitso), Filipinas (Coins.ph) e Austrália (BTC Markets).

No final de 2019, cerca de dez por cento das transações da MoneyGram dos EUA para o México estavam passando pelo ODL e XRP da Ripple.

Fonte: U.Today

Foto de Bruno Lugarini
Foto de Bruno Lugarini O autor:

Estudante de Sistema da Informação, técnico de informática, apaixonado por tecnologia, entusiasta das criptomoedas e Nerd.