Americano enfrenta multa de US$1,1 milhão e sentença de 15 meses por golpe envolvendo Bitcoin e Litecoin

O acusado roubou os ativos da empresa na qual trabalhava

De acordo com a Comissão de Comércio de Futuros e Commodities (CFTC), Joseph Kim, cidadão americano, foi acusado de apropriação indébita de Bitcoin e Litecoin de diversos indivíduos.

Joseph foi multado em US$1,1 milhão e enfrentará 1 ano e 3 meses de prisão.

Segundo a CFTC, o acusado defraudou seu empregador, uma empresa de tranding baseada em Chicago, transferindo em torno de US$600.000 em Bitcoin e Litecoin para sua conta pessoal no ano passado.

Quando questionado sobre a falta dos ativos, Kim declarou que problemas na segurança o levaram a transferir a quantia para diversas contas. Algum tempo depois, a verdade veio à tona e Joseph foi demitido.

O americano ainda defraudou investidores privados, atraindo cerca de US$550.000 de 5 indivíduos declarando que saiu voluntariamente da empresa para iniciar sua própria companhia. Toda a quantia foi perdida após uma aposta de alto risco.

Após trazido à justiça, a CFTC ordenou que Kim pagasse a quantia de US$1,1 milhão em restituição à empresa e clientes, além de impor uma proibição permanente de negociações e solicitações.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli