Imigrantes são vítimas de golpe envolvendo Bitcoin na Austrália

Juntas, as vítimas perderam mais de U$50 mil

De acordo com a Sydney Morning, fraudadores induziram 4 vítimas a realizar depósitos em caixa eletrônico de Bitcoin.

O golpe ocorreu no Condado de Victoria, na região sul da Austrália.

Aparentemente, os malfeitores se passavam por cobradores de dívidas, e intimavam imigrantes a pagar a quantia sob a penalidade de sofrer consequências legais.

Leia mais: Cade ouve corretoras brasileiras de criptomoedas após encerramento de contas

De acordo com a notícia, as vítimas foram induzidas a retirar o montante em contas de bancos locais e depositar em um caixa eletrônico de Bitcoin localizado na área de Braybrook, em Melbourne.

Para realizar o depósito, todas as vítimas receberam o endereço da wallet do “cobrador”

Os crimes foram conduzidos separadamente, variando alguns detalhes entre as vítimas. Durante os depoimentos a polícia foi notificada de que os malfeitores se apresentaram como agentes federais.

De acordo com a detetive Katherine Lehpamer, vários indivíduos podem ter sido vítimas deste golpe e não relataram à polícia.

“Acreditamos na possibilidade de haver diversas vítimas que não relataram o ocorrido por alguma razão, pode ser por causa do visto ou pelo fato de não estarem cientes de que as autoridades nunca lhes pediriam para depositar dinheiro em um caixa eletrônico”, declarou.

Lehpamer acrescentou que as vítimas visadas eram grupos vulneráveis que não possuíam conhecimento sobre direitos civis. Desta forma, eram induzidos a acreditar que seu status de imigração estaria em risco se as multas federais não fossem pagas.

A detetive pontuou a necessidade de notificar a polícia neste tipo de situação, visto que o governo não realiza procedimentos desta natureza. 

Leia mais: Yale ajuda a arrecadar quantia milionária para fundo focado em criptomoedas

FONTE: CRYPTOSLATE