Brave irá recompensar com BAT usuários que interagirem com anúncios

Navegador paga usuários com criptomoeda por interação com anúncios

Recentemente o navegador Brave iniciou a segunda fase do Brave Ads Developer Channel Preview, iniciativa que irá permitir que usuários que optarem por ver anúncios na plataforma sejam recompensados com a criptomoeda BAT (Basic Attention Token).

Aparentemente apenas os usuários que optarem por participar do canal de desenvolvedores (uma versão experimental e menos estável do navegador) serão recompensados por verem os anúncios. Durante a primeira fase, os usuários estavam envolvidos com anúncios exibidos. Na segunda fase, eles serão recompensados por sua atenção.

“A segunda fase oferece recompensas simbólicas aos usuários por sua atenção, e introduz campanhas anônimas-porém-responsáveis da Brave para as marcas reportadas.”

A Brave foi lançada por Brendan Eich, ex-executivo chefe da Mozilla, e financiada através de uma ICO (oferta inicial de moeda). O sistema é focado na privacidade, bloqueando rastreadores por padrão, e inicialmente contava com um bloqueador de anúncios embutido.

No início de 2019 o navegador passou a testar anúncios que aparecem como pop-ups para usuários que optam por participar do projeto. Agora, ver ou clicar nos anúncios gera uma recompensa e, embora o Brave esteja definido para oferecer 70% da receita de tais anúncios, Eich espera que os usuários ganhem “no mínimo US$5 por mês” em BAT.

Os tokens adquiridos pelos usuários são enviados aos sites visitados de acordo com o tempo que é gasto neles, embora tais parâmetros possam ser alterados para que o usuário aloque um valor específico a um editor específico, ou então ele mantém os tokens para si.

Futuramente as moedas podem ser retiradas da carteira do navegador. O Brave também possui um sistema interno que permite que os usuários concedam gorjetas em BAT. Atualmente este recurso só está disponível na versão para desktop do navegador, mas há planos de expansão para IOS e Android.

Até o momento as empresas que anunciaram com a Brave são principalmente relacionadas a criptomoedas. Futuramente o navegador também irá permitir que os editores exibam anúncios em seus sites, em um sistema que irá conceder 70% da receita de tais anúncios, ao passo que recompensa os usuários em 15%, mantendo o resto para si.

O recurso do anúncio será implementado além do próprio navegador futuramente. A própria Brave, graças a seus recursos de privacidade, vem crescendo em ritmo acelerado, tanto que recentemente ultrapassou 20 milhões de downloads.

FONTE: CRYPTO GLOBE

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli