Investir em Dogecoin é pior do que jogos de azar afirma Kevin O’Leary

Investir em Dogecoin é pior do que jogos de azar afirma Kevin O’Leary em entrevista recente.

Investir em uma moeda meme como o Dogecoin é como colocar seus fundos no vermelho ou no preto em um cassino, disse o popular investidor – Kevin O’Leary. Ele foi ainda mais longe em uma entrevista recente, indicando que não tem valor inerente e deve ser classificado como pura especulação.

O’Leary: Dogecoin é pura especulação

O token do meme, que viu seu nascimento em 2013, cresceu em popularidade em 2021, ao receber compromissos frequentes de mídia social de Elon Musk no início e de outras celebridades depois. Como seu preço explodiu para uma alta de US $ 0,75, porém, alguns pareceram cautelosos, dizendo que não é nada mais do que uma bolha, que estava propensa a estourar em breve.

Kevin O’Leary, o empresário canadense e autor, possivelmente mais conhecido por sua participação como um dos apresentadores do reality show Shark Tank, aparentemente apóia a segunda narrativa.

Falando à CNBC, ele destacou as diferenças entre Dogecoin e outros projetos de blockchain que realmente têm valor inerente, como Etheruem, Solana e Bitcoin.

Ele acredita que investir é, sim, um grande jogo de especulação, mas com aspectos diferentes. Por exemplo, se as pessoas alocam fundos em ações, elas “especulam que as estimativas de ganhos serão alcançadas”.

“Quando você especula sobre algo como Dogecoin – isso não é diferente de ir a Las Vegas e apostar no vermelho ou no preto – é pura especulação.”

Ele ainda o classificou como “entretenimento“, já que DOGE “não tem nenhum valor inerente além do que as pessoas querem fazer enquanto especulam“. Como tal, ele concluiu que ele e sua equipe não possuem nenhuma parte da moeda meme.

  • Investir em Dogecoin é pior do que jogos de azar afirma Kevin O’Leary.

Conforme mencionado acima, O’Leary considera “todo investimento como especulação“. Ele acredita que comprar apenas moedas fiduciárias pode fazer certas pessoas dormirem melhor, mas na verdade elas perderiam o investimento, pois não conseguiriam mais igualar a inflação.

Em vez disso, comprar e manter um determinado ativo é especulação, mesmo que pareça seguro na teoria. As criptomoedas não são exceção, pois sua infame volatilidade pode ser extrema demais para alguns investidores.

Conseqüentemente, O’Leary, que recentemente disse que nada jamais substituirá o Bitcoin como o principal ativo digital, aconselhou que os investidores deveriam tratar seus criptoativos como especulação e lembrou que nada é garantido nos mercados.

 

Fonte: CryptoPotato

Foto de Neidson Soares
Foto de Neidson Soares O autor:

Conheceu esse universo dos criptoativos em 2016 e desde 2017 vem intensificando a busca por conhecimentos na área. Hoje trabalha juntamente com sua esposa no criptomercado de forma profissional. Bacharelando em Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital.

neidson8