Juventus é mais um gigante europeu a entrar no mundo dos NFTs

Mais um gigante da Europa se une ao movimento NFT

Juventus, o famoso time de futebol italiano, anunciou há poucos dias que entrou no espaço dos tokens não fungíveis (NFTs).

Depois de já ter entrado no mundo das criptomoedas há alguns anos graças a uma colaboração com Socios e Sorare, a Juventus decidiu agora dar mais um passo à frente no mundo da tecnologia blockchain, adotando NFTs como uma ferramenta para a coleção de ‘memorabilia’ ligada a sua história centenária.

Isso é explicado no comunicado de imprensa publicado no site oficial da equipe:

“Aceitando desafios, definindo uma visão de futuro, estabelecendo novos padrões. Este é o Live Ahead, o princípio que inspira a Juventus todos os dias, em todos os momentos.”

O primeiro NFT será lançado em 27 de junho em colaboração com a Adidas. A camiseta “Home 2021/2022” estará à venda em versão digital 3D. Para comprá-la, os usuários terão que participar de um leilão no dia 27 de junho no site Nftpro.com.

Juve NFT

Juventus, NFTs e o meio ambiente

“A Juventus decidiu enfrentar este novo desafio com a colaboração de uma empresa californiana experiente e de alto nível, a NFT Pro ™ by Geer. Compreendendo o impacto ambiental do uso de blockchain, Geer está utilizando Palm, um novo protocolo NFT sustentável construído em Ethereum.”

Esses NFTs, portanto, não estão diretamente na Ethereum, mas no Palm, uma cadeia lateral da blockchain principal, de modo a ter menos taxas e causar o menor impacto possível no meio ambiente.

Depois dos tweets de Elon Musk, na verdade, o tema da blockchain e seu impacto ambiental está se tornando cada vez mais forte e sentido pela comunidade e empresas.

No site da Nftpro também é revelado que o comprador de NFT receberá também uma camisa física autografada por toda a equipe, incluindo Ronaldo, McKennie, Chiesa, Arthur, Frabotta e Buffon. Também está em jogo uma experiência VIP para ir a Turim e conhecer alguns dos membros da equipe.

Fonte: Cryptonomist

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.