Perfil de Satoshi Nakamoto na P2P Foundation atualiza status e inicia amizade com um brasileiro

Poderia o criador da maior criptomoeda do mundo estar de volta à ativa após 8 anos?

Uma conta na rede P2P Foundation associada à Satoshi Nakamoto, criador do Bitcoin, publicou uma atualização de status nesta quinta-feira, 29 de novembro.

A conta utilizada está ligada ao endereço de email que supostamente carregou um dos primeiros documentos do Bitcoin em 2009. Entretanto, é importante lembrar que o mesmo email foi supostamente hackeado em 2014, quatro após Nakamoto encerrar sua atividade online.

A atualização, que consiste na palavra “nour”, com o uso de aspas, não possui um significado facilmente decifrável. O principal resultado quando o termo é pesquisado no Google define a palavra como “A pessoa mais amorosa, afetiva e carinhosa que você já conheceu. Extremamente inteligente, divertida e sensível. Um pouco perdida, ainda descobrindo o que quer na vida e como alcançá-lo. Teimoso, não disposto a aceitar conselhos de outros.”

Outra possibilidade é uma tradução do árabe para “light” (luz) ou “fire” (fogo) em hebraico antigo. Em aramaico, uma variação do termo, “noura”, apresenta um texto utilizado para definir a ordem do ritual de Páscoa judaica.

Além da atualização, a conta também fez amizade com um usuário chamado Wagner Tamanaha que, de acordo com seu perfil, mora em São Paulo.

Tamanaha comentou a amizade em seu perfil no Twitter.

As mídias sociais de Wagner apontam que ele é ativo na comunidade blockchain e cripto.

Quanto à Nakamoto, seu sumiço após a criação do Bitcoin gerou diversas especulações. A pessoa/grupo acabou se tornando uma lenda no mercado das criptomoedas.

FONTE: COINTELEGRAPH