Veja 5 criptomoedas que continuam em tendência de Alta

Veja 5 criptomoedas que continuam em tendência de Alta, apesar da queda forte do Bitcoin

Muitos analistas afirmam que TODO o mercado cripto funciona em função do Bitcoin e que o padrão gráfico iniciado pela principal moeda digital do mundo imprime o mesmo formato para todas as demais (as altcoins).

Mas não é bem assim, depois dessa queda de cerca de 18% em 2 dias no BTC, alguns criptoativos continuam em tendência de alta, ignorando o dump do Bitcoin, veja 5 deles:

Hedera Hashgraph – HBAR

Essa cripto tem mais de $720 Milhões de Market cap é TOP50 do mercado. Além de ignorar a queda do Bitcoin, o projeto acumula uma alta de mais de 10% nas últimas 24h.

HBAR - 5 criptomoedas que continuam em tendência de Alta

Outras peculiaridades da HBAR são Supply limitado de 50 bilhões de tokens e um volume impressionante de mais de $500 milhões transacionados nas últimas 24h.

Icon – ICX

Com  $448 milhões de Market Cap, a ICX está entre os 70 maiores projetos de cripto do mundo.

ICON icx gráfico

Apesar de uma correção, ela está em alta nas últimas 24h formando um pivot de compra para quem acredita no projeto.

Kyber Network – KNC

A KNC é TOP90 em Market Cap e, mesmo com a queda do Bitcoin, mantém uma alta de +10% nas últimas 24h.

Grafico KNC

A Kyber também já subiu mais que 400% nos últimos 365 dias e está chegando perto do seu supply máximo, aumentando a sua escassez.

Curve DAO Token – CRV

TOP80 em Market Cap, a CRV está com uma alta de 15% nas últimas 24h e subiu mais que 200% só esse ano.

Grafico Curve CRV

Atenção para o volume de transações da CRV: mais de $800 milhões nas últimas 24h.

Bella Protocol – BEL

A BEL não está nas TOP de valor de mercado, mas tem uma alta nas últimas 24h de mais de 20% e um volume de transações de mais de $100 milhões.

Gráfico BEL

 

Foto de André Cardoso
Foto de André Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/