Bitfury se une a universidade russa para desenvolver acelerador Blockchain

O projeto recebeu o apoio das autoridades russas

De acordo com um canal de notícias russo, a Bitfury se aliou à Plekhanov, Universidade Russa de Economia, para desenvolver um acelerador para projetos blockchain.

Além do projeto, a universidade pretende oferecer cursos e educação adicional para treinar especialistas capacitados para desenvolver projetos inovadores utilizando tecnologias digitais em um curto período de tempo. De acordo com o chefe da filial russa da Bitfury, Dmitry Ufaev, a iniciativa permitirá que os especialistas comercializem seus projetos “em meio à nova revolução industrial”.

O projeto terá o apoio do Ministério de Desenvolvimento Digital, Comunicação e Mídia de Massa da Rússia, e seu plano piloto supostamente atende às aspirações de instituições públicas e grandes corporações que necessitam de modernização.

Recentemente, diversas universidades passaram a oferecer cursos focados na tecnologia blockchain.

Segundo a Coinbase, grande parte das melhores universidades do mundo oferecem cursos para informar os alunos sobre a tecnologia e sobre as criptomoedas.

Nesta sexta-feira, 23 de novembro, o WeBitcoin noticiou que um candidato à presidência da Nigéria inseriu em seu plano de governo uma proposta para implementar matérias voltadas à tecnologia blockchain desde o ensino fundamental até a universidade, visando alfabetizar a população sobre o assunto.

FONTE: COINTELEGRAPH