Produtora de League of Legends, Riot Games se prepara para entrar no mundo NFT

Pouco se sabe sobre o projeto da Riot Games no mundo NFT, mas o pedido de registro de marca indica que a empresa pode investir pesado nesse mercado

A Riot Games, famosa produtora de videogames de sucesso como League of Legends (LoL) e Valorant, entrou com um pedido de registro de marca no setor de tokens não fungíveis (NFT).

Em particular, a marca foi destaque no Brasil com Wild Rift, a versão mobile do jogo League of Legends.

Infelizmente, pouco se sabe sobre o projeto e, por enquanto, apenas rumores se espalharam acompanhando a notícia da marca. Mais informações concretas devem surgir nas próximas semanas.

NFTs em jogos

Os NFTs estão certamente ganhando espaço no setor de jogos.

Existem agora dezenas de jogos online e metaversos que usam tokens não fungíveis, como Sorare, Wallem e até mesmo GTA 6, que deve entrar no mundo das criptomoedas em breve.

Não apenas jogos: o mercado NFT

Apesar do que se possa pensar, é no setor de colecionáveis ​​e não nos jogos que encontramos os NFTs mais bem-sucedidos.

Contudo, no geral, de acordo com dados divulgados hoje pela Reuters, o volume de vendas de NFT subiu para US $ 2,5 bilhões no primeiro semestre de 2021.

Esta é uma nova alta marcada no segundo trimestre deste ano, com US $ 2,5 bilhões em vendas, em comparação com apenas US $ 13,7 milhões no primeiro semestre de 2020.

Ainda de acordo com este relatório, a OpenSea estabeleceu um novo recorde pessoal em junho de 2021, com US $ 150 milhões em vendas de NFTs.

Além disso, os compradores de NFTs se tornaram mais de 20.000 por semana desde março passado, de acordo com dados relatados pelo NonFungible.com, que compila esses relatórios quando se trata da blockchain Ethereum. No total, então, os compradores são muitos mais se contarmos que agora os NFTs também podem ser encontrados na Cardano, Zilliqa, EOS e Bitcoin Cash.

Ainda de acordo com NonFungible.com, durante 2021, os mercados primário e secundário experimentaram um grande entusiasmo para NFTs, especialmente em maio.

Fonte: Cryptonomist

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.